D.P.O.C. - Clínica Médica Intensiva

Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica


D.P.O.C.

D.P.O.C. é uma sigla que representa a Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica. Essa doença acomete principalmente em pessoas que fumam ou fumaram por longos períodos. Sua gravidade está diretamente relacionada com a quantidade de cigarros fumados. Algumas pessoas que nunca fumaram também podem desenvolver essa doença, principalmente quem teve exposição à fumaça proveniente de fogão à lenha ou exposição ocupacional (por exemplo: trabalhadores de carvoaria, fornos industriais com queima de combustível, etc). Enfisema é o nome dado à lesão do tecido pulmonar causada pelo cigarro, que forma bolhas no pulmão. O cigarro também causa inflamação dos brônquios (bronquite). É importante ressaltar que a lesão pulmonar causada pelo cigarro é irreversível.

Os sintomas se desenvolvem progressivamente piorando sua intensidade, começa geralmente como falta de ar (sintoma frequente), incialmente durante grandes esforços (por exemplo, subir uma  ladeiras, vários lances de escada,  ou correr, etc). Com a progressão da doença, a falta de ar pode passar a acontecer durante pequenos esforços e progride com o avançar da doença até desenvolver uma falta de ar aos mínimos esforços (como ao tomar banho, escovar os dentes ou se alimentar), ou mesmo em repouso. A tosse também é sintoma comum. Geralmente no início a tosse é inicialmente seca. Com a progressão da doença, pode haver tosse produtiva. Ochiado no peito também é frequente e depois produtiva pode estar associada, assim como o diagnóstico da doença é feito pelos sintomas, exame clínico dos pulmões, radiografia de tórax e medidas da função pulmonar.

A D.P.O.C. é uma doença que pode apresentar crises de piora, quando os sintomas da doença tendem a apresentar piora progressiva. Muitas vezes as crises de piora da D.P.O.C. são decorrentes de infecção pulmonar viral ou bacteriana.

Sintomas de chiado e dor no peito nas crises de exacerbação (momentos de piora dos sintomas geralmente associado à infecção pulmonar). Enfisema é o nome dado à lesão pulmonar causada pelo cigarro, que forma bolhas no pulmão.

O tratamento da D.P.O.C. consiste em várias medidas. A interrupção do tabagismo é fundamental e é a medida que tem maior impacto na evolução da doença. A principal forma de evitar a progressão da doença é parar de fumar, existem medicamentos  que melhoram os sintomas e visam à dilatação dos brônquios (que tendem a ficar obstruídos pela bronquite). Muitas vezes são utilizados medicamentos anti-inflamatórios para diminuir a inflamação pulmonar causada pela doença. Nas fases mais avançadas da doença, pode ser necessário o uso de oxigênio. Os medicamentos podem diminuir a falta de ar, o chiado no peito e a tosse.

Se você fuma, apresenta tosse ou falta de ar, é importante uma avaliação pelo pneumologista. Porém a parte do pulmão que foi destruída com o cigarro não recupera mais e nas fases mais avançadas da doença o paciente pode apresentar queda dos níveis de oxigênio do sangue sendo necessário o uso de oxigênio suplementar 24hs por dia (cilindros) . Por tudo isso é importante realizar o diagnóstico precocemente e começar o tratamento o quanto antes.




D.P.O.C.

Para maiores informações entre em contato



Compartilhar: